O que é DICOM e como se aplica na Radiologia?

image (67)

Entenda o que é o DICOM e como o padrão tem beneficiado a área da Radiologia.

DICOM significa “Digital Imaging and Communications in Medicine” em inglês, ou Comunicação de Imagens Digitais em Medicina, e trata-se de um padrão internacional para imagens médicas.

Serve para padronizar imagens de todos os tipos de exames como tomografias, ressonâncias, radiografias, mamografias, etc, e para que sejam armazenados em um formato único, permitindo a troca entre equipamentos de marcas distintas.

Ao contrário de outros formatos de arquivo de imagem, como JPEG ou TIFF, os arquivos nesse padrão não são reconhecidos por softwares de leitura de imagens comuns pelos sistemas operacionais.

Para visualizar este tipo de arquivo, é necessário usar um visualizador DICOM, que interpreta as informações do arquivo e o exibe como uma imagem.

O padrão atual do DICOM está na terceira versão, mas continua em evolução constante. O comitê composto pelos principais fabricantes de equipamentos para imagem diagnóstica e renomadas instituições médico-científicas de todo o mundo trabalha para que essa padronização alcance um patamar ainda maior, priorizando-se, inclusive, a compatibilidade com formatos antigos.

Relação DICOM – PACS

Após a captura de imagem dos exames realizados, as mesmas são transmitidas de acordo com o protocolo DICOM, que determina (e unifica) o formato dos arquivos.

Posteriormente, as imagens transmitidas no formato estabelecido pelo protocolo são compartilhadas e os dados e informações armazenadas em sistemas na nuvem ou no servidor das clínicas.

Dessa forma, trabalhando de maneira conjunta, o DICOM e o PACS permitem que os exames sejam transmitidos (em formato de imagem) e as informações sejam acessadas e compartilhadas pela Internet.

Com a utilização de sistemas PACS baseados na nuvem que oferecem visualizadores DICOM Online, os profissionais da Radiologia ganham em mobilidade, praticidade e agilidade no diagnóstico. Pois dessa forma, os radiologistas podem visualizar as imagens médicas em alta qualidade de qualquer lugar.

Com a grande capacidade de armazenamento do PACS, outros benefícios experimentados são a eliminação no extravio de exames, acesso completo ao histórico do paciente, aprimorando o diagnóstico e prognóstico do paciente e a redução de custos com impressão de exames.

Importância do DICOM para Radiologia

Com a crescente demanda por serviços baseados na tecnologia da informação e no compartilhamento de dados, adequar-se ao cenário atual, inclusive no que diz respeito ao DICOM, é um grande diferencial.

Além de oferecer serviços mais alinhados aos altos padrões da área médica, atuar em conformidade com o DICOM significa melhorar a eficiência dos procedimentos realizados e no relacionamento com seus clientes, reduzindo o tempo de espera do paciente na hora de receber resultados.

Garantir a padronização de imagens médicas foi um grande desafio para as instituições de saúde. A criação do DICOM, portanto, foi fundamental para garantir a segurança nos processos de análises radiológicas.

Novidades no seu e-mail

Fields marked with an * are required

Mais posts do blog

ver todos